51º Congresso Brasileiro de Patologia Clínica/Medicinal Laboratorial 

Incorporação de novos exames

Conferência magna encerra 51º CBPC/ML

Leeza Osipenko

"A incorporação de novos exames laboratoriais no sistema de saúde - Requisito de evidência para as fontes pagadores" foi o tema da última Conferência Magna do 51º CBPC/ML, no dia 29 de setembro. Coordenada por Nairo Sumita, diretor científico da SBPC/ML, ela teve como palestrante Leeza Osipenko, diretora Associada do Conselho Científico do National Institute for Health and Care Excellence (NICE), do Reino Unido.

Osipenko apresentou a importância da NICE e destacou que ela foi criada para fornecer padrões baseados em avaliação clínica e custo-eficácia, para lidar com as incertezas e para minimizar a variação inadequada na prática.

Explicou que dentro da proposta de valor da instituição estão o impacto nos recursos do sistema de saúde, preço justificável, melhores resultados de saúde, benefício incremental para pacientes, ajuste das prioridades do sistema de saúde e base de evidência bem construída.

Durante sua palestra, Leeza apresentou também um projeto de estudo, em que destacou três pontos: resultados, proporção da pesquisa e duração. Segundo ela, os resultados focalizados nos pacientes são particularmente importantes, ao contrário dos resultados intermediários ou de substituição. O ideal é que os estudos sejam com um maior número de pacientes, pois as estimativas de benefícios e danos serão mais precisas. Além disso, eles devem ter acompanhamento suficiente para capturar os resultados finais sempre que possível, o que é muito importante para os testes de prognóstico.

Veja fotos do 51º CBPC/ML no Flickr: flickr.com/sbpcml.

Data de publicação: 29/09/2017 - Autor(es): Patricia Bernardo - Fotografia: Celso Pupo

Tempo de execução: 0.01752